domingo, 14 de agosto de 2011

Passeio pelo tempo.

Soube que alguém continuava na posse destas relíquias do passado e pedi autorização para fotografar. Não, não vou revelar o nome do proprietário , nem o local .
Estão numa velha casa, onde o tempo acumulou muita poeira e eles se encontram amontoados, à espera que F. ,  um dia concretize o seu sonho e crie um pequeno museu rural.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo comentário!